Pular para conteúdo Pular para barra lateral Pular para rodapé

Torcida do Fluminense picha muros da sede do clube: ‘Vai virar o inferno’

Em meio à crise enfrentada pelo Fluminense devido á falta de bons resultados na Série A do Campeonato Brasileiro, torcedores picharam os muros da sede do clube em Laranjeiras nesta quinta-feira, 20, um dia após o time perder por 2 a 0 para o Cruzeiro, em Belo Horizonte.

Um grupo deixou mensagens exigindo a demissão do técnico Fernando Diniz e declarando que o clube “vai virar o inferno”. Douglas Costa, que teve atuação abaixo do esperado na derrota para o Cruzeiro, também foi alvo de críticas.

Publicidade
Você conhece o canal da Agência RTI Esporte no Youtube? Clique e se inscreva!

Fotos circulando nas redes sociais mostram a frase “fora sub-40”, em referência aos jogadores mais experientes do elenco tricolor. O Fluminense enfrenta seu pior início na era dos pontos corridos da Série A do Campeonato Brasileiro.

Com apenas seis pontos conquistados em 30 possíveis, o Tricolor ocupa a última posição no torneio nacional, tendo registrado uma vitória, três empates e seis derrotas. Os desempenhos em 2024 e 2008 são quase idênticos, com o clube lutando contra o rebaixamento em 2008, enquanto alcançava a final da Libertadores.

Siga a Agência RTI Esporte também no InstagramFacebook e Twitter.

A única diferença significativa está no saldo de gols: há 15 anos, o clube encerrou a décima rodada com um saldo negativo de quatro gols. Neste ano, a desvantagem nesse aspecto aumentou para oito gols negativos.

O Fluminense retorna ao campo neste domingo para enfrentar o Flamengo no Estádio do Maracanã, em um clássico válido pela 11ª rodada. Fernando Diniz, que se tornou o técnico com mais tempo de permanência no clube no século XXI nesta quinta-feira, pode ser demitido no caso de novo tropeço do time. Recentemente, ele renovou seu contrato até o final de 2025.

Publicidade
plugins premium WordPress Copy Protected by Tech Tips's CopyProtect Wordpress Blogs.