Pular para conteúdo Pular para barra lateral Pular para rodapé

Vasco já busca novo técnico; veja as opções

O Vasco já busca o nome do substituto de Álvaro Pacheco, que será demitido do comando do time nesta quinta-feira, 20, após a derrota para o Juventude pela 10ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro.

A Agência RTI Esporte apurou que o presidente do Vasco, Pedrinho, trabalha, por ora, com apenas três possibilidades. O dirigente tem pressa para definir a situação porque não quer que o tema não se arraste por muitos dias.

Publicidade
Você conhece o canal da Agência RTI Esporte no Youtube? Clique e se inscreva!

E os nomes que estão na pauta vascaína são de treinadores brasileiros. O primeiro deles é Fábio Carille, do Santos, que está acostumado a trabalhar bem com equipes limitadas e com estilo de jogo defensivo.

O pentacampeão Luiz Felipe Scolari também está na mira do clube, mas o fato de ser um treinador caro e com uma comissão técnica numerosa pode dificultar um eventual acordo. Porém, o estilo linha dura é o que mais agrada o alto comando do Vasco.

Outra possibilidade de comando do time é Mano Menezes. O ex-treinador está disponível no mercado da bola desde que foi demitido do Corinthians. Desde então, foi sondado para comandar o Cerro Porteño, do Paraguai. Entretanto, as partes não chegaram a um acordo.

Ainda segundo apurou a reportagem, nomes como Ramón Díaz e Vanderlei Luxemburgo estão completamente descartados pela diretoria vascaína, que almeja um treinador com melhores resultados nos últimos anos.

Ramón Díaz, que acionou o clube na justiça do trabalho pela quebra de contrato em abril, ainda não assinou seu distrato com o Vasco. Após entrar em litígio com a diretoria, o veterano retornou para Buenos Aires, na Argentina.

Siga a Agência RTI Esporte também no InstagramFacebook e Twitter.

Vanderlei Luxemburgo, que teve duas passagens por São Januário, não agrada a Pedrinho. Isso porque o treinador não realizou um trabalho expressivo por Palmeiras, Cruzeiro e Corinthians. Recentemente, teve o nome cotado para voltar a trabalhar no exterior.

O ex-treinador da seleção brasileira recebeu convites para treinar as seleções do Chile, Equador, Costa Rica e Paraguai. Entretanto, Vanderlei Luxemburgo recusou todas as investidas porque não desejava ficar distante da família.

Publicidade
plugins premium WordPress Copy Protected by Tech Tips's CopyProtect Wordpress Blogs.